Semana passada, comemoramos singelos treze anos de relacionamento! Parabéns para nós dois, obrigada, de nada 🙂 rs. Usamos essa ótima desculpa – como se precisássemos de uma – para cair na estrada e seguimos para Guararema.

Guararema é um pequeno município localizado na região do Alto Tietê. Para chegar até lá seguimos direto pela Rodovia Ayrton Sena e gastamos R$6,70 em pedágio (o mesmo para voltar), tranquilo.

img_2101

Cidades do interior e seus portais 🙂

Apesar de pequena, existem diversas opções turísticas na cidade, dentre elas: Parque Municipal Pedra Montada, Ilha Grande, Recanto do Américo, Igreja Nossa Senhora da Escada, Cachoeira do Putim e o famoso tour de Maria Fumaça.

Chegamos cedo e logo visitamos o pontilhão de aço, uma construção belga que faz parte da via férrea do município. Em seguida partimos para a estação ferroviária de Guararema, local de onde partem os passeios da locomotiva Velha Senhora. Ambos os lugares são lindos e por essa razão estavam sendo usados de locação para ensaios fotográficos de casais e gestantes quando chegamos.

img_2111

Atravessando o pontilhão belga, montado pelos ingleses (?) em 1910.

Não conseguimos fazer o passeio de trem devido número insuficiente de passageiros, aos domingos é necessário confirmar a turma para o período da tarde, o passeio das 10 da manhã é garantido.

Saímos de lá e partimos para nosso objetivo principal, que era comer! Só tem uma coisa que gostamos mais de fazer do que viajar e essa coisa é COMER 🙂 . Queríamos um local agradável e bonito para comemorar nosso aniversário e por isso escolhemos o restaurante Mirante do Paraíba. Foi lá que passamos agradáveis horas, comendo, bebendo e sendo felizes só por poder estar ali.

img_2140

Poderíamos viver até 2020 aqui.

Comandado pelo chefe Valdir Stilhano, o Mirante atende seus clientes as margens rio Paraíba do Sul. Com cardápio 90% a bases de peixes e frutos do mar e cozinha à vista dos clientes, lá os pratos são preparados no momento do pedido (o cardápio aponta o tempo de espera para preparo de cada prato). Fato relevante é alguns ingredientes são colhidos na hora, na horta disponível no local.

Adoramos a experiência menos turística e mais gastronômica que tivemos em Guararema, nosso perfil é mais explorador, mas queríamos comemorar essa data especial com calma 🙂 .

Recomendamos a visita a Guararema para quem quiser estar em contato com a natureza e pensamos em voltar para curtir o passeio de trem no futuro. Se tiver curiosidade, inclua Guararema na sua lista de cidades a visitar, depois conta pra gente o que achou de lá!